Dirigentes reforçam a importância do Banana Bowl durante a cerimônia de abertura


abertura2Um torneio fundamental para os tenistas, disputado com muita garra por atletas de vários países, agregando competitividade e integração. A 47ª edição do Banana Bowl teve a sua cerimônia oficial de abertura realizada na quarta-feira (08) à noite, junto à quadra central do Recreio da Juventude, onde a unanimidade ficou por conta dos elogios à organização do evento. Em Caxias do Sul são realizadas as categorias dos 8 aos 16 anos, reunindo cerca de 600 participantes de 15 países. “Temos aqui um ótimo ambiente também formado pelo nível dos jogadores. Todos eles precisam estar muito conscientes do respeito que se deve ter no esporte, com muita responsabilidade”, destacou Marcelo Albamonte, representante da Confederação Sul-Americana de Tênis (Cosat).

O presidente da Confederação Brasileira de Tênis (CBT), Jorge Lacerda da Rosa, fez referência ao Rio Grande do Sul como o estado de maior tradição tenística do país. “Esta edição do Banana Bowl mostra os aspectos positivos da união de forças entre o poder público, os patrocinadores, o clube e as entidades esportivas”, disse o presidente, que deixará o cargo no mês de março, quando assumirá Rafael Westrupp, em gestão que irá até 2021. Lacerda aproveitou para anunciar, “em primeira mão”, que a CBT assumirá o Centro Olímpico de Tênis construído no Rio de Janeiro, que deverá se tornar um Centro Nacional de Alto Rendimento para o tênis brasileiro. “Estamos conversando diretamente com o ministro do Esporte Leonardo Picciani e o assunto está muito bem encaminhado”, antecipou o dirigente.

BANANA BOWL EM 2018 – Se depender do empenho e da vontade da Federação Gaúcha de Tênis (FGT) e do clube Recreio da Juventude, a edição do Banana Bowl nos próximos dois anos será novamente na serra gaúcha. O presidente da FGT Roberto Petersen Mello já iniciou às tratativas com a CBT, tendo como base a repercussão positiva do evento. “Faremos todo o possível para sediar o torneio pelo menos em 2018 e 2019. Formamos uma parceria muito forte com o clube e com os patrocinadores, o que nos leva a comemorar os resultados até agora”, disse Mello.

Para os dirigentes do Recreio da Juventude, sediar uma competição deste nível é motivo de orgulho. “É um momento único para o clube, pois aqui estão alguns dos melhores das categorias entre 8 e 16 anos. Vivenciamos novas experiências com todos que estão aqui”, comemorou Paulo Henrique Marchioro, vice-presidente de Esportes. Já o vice-presidente Administrativo e Financeiro, Diógenes de Ávila, destacou que o torneio coincide com a política de formação de atletas definida pelo clube. “Também quero passar aos atletas a mensagem de que a competição seja um meio de amizade e motivação. Mantenham o foco e não desistam de seus sonhos”, afirmou.

A secretária de Esporte e Lazer de Caxias do Sul, por sua vez, lembrou da importância do evento para o município. “Tudo que está acontecendo aqui é muito bonito. É um momento especial para anunciar que teremos a modalidade tênis sendo desenvolvida junto à rede escolar, inclusive com um profissional de tênis já contratado para este projeto”, enfatizou Márcia Rohr.

Ao final da cerimônia, a Federação Gaúcha de Tênis entregou uma placa de homenagem especial à Cosat, à CBT e ao Recreio da Juventude.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s