Marina Figueiredo é finalista nos 16 anos feminino


Marina tenta primeiro título do Brasil na categoria desde 2013 Foto: Marcello Zambrana/DGW Comunicação

Marina tenta primeiro título do Brasil na categoria desde 2013
Foto: Marcello Zambrana/DGW Comunicação

São José dos Campos (SP), 11 de março de 2016 – Depois de dois anos sem a presença de brasileiras na decisão, a mineira Marina Figueiredo chegou à final da categoria 16 anos feminino do 46º Banana Bowl – Troféu Alcides Procopio. O torneio conta pontos para o ranking sul-americano da COSAT e é disputado na Associação Esportiva São José/Clube de Campo Santa Rita em São José dos Campos.

A vaga foi conquistada com vitória por 6/1 e 7/5 contra a peruana Melissa Moscoso.”Eu havia visto um pouco das quartas de final dela hoje, que tinha atrasadao”, disse a respeito da partida em que Moscosso eliminou a também mineira Isabela Souza por 6/1 6/7(4) 6/4. “Ela tem uma bola muito chapada e eu sabia que eu ia tomar muito winner, mas precisava ser firme”.

Embora o placar do primeiro set tenha sido mais tranquilo, Marina acredita ter atingido um nível de tênis ainda melhor na segunda parcial. “No segundo set eu tive que jogar melhor, porque ela acertou mais”, conta. “No primeiro set eu comecei bem e ela estava muito ansiosa e errando”.

“Fiz 6/1 muito rápido, mas sabia que em algum momento o jogo ficaria mais difícil. Consegui abrir 3/0 no segundo, quando ela começou a jogar melhor, mas continuei positiva e consegui fazer 7/5”, completou a jogadora do Minas Tênis Clube.

Sua adversária na decisão será a venezuelana Luniuska Delgado, principal cabeça de chave do torneio, que eliminou a gaúhca Laura Wayerbacher ao marcar as parciais de 7/5 6/4. “Já joguei contra e sei que ela tem muito talento e faz o que quer com a bola, mas não gosta de correr muito. Vou tentar ficar muito firme do fundo, tentar ser agressiva e ter tranquilidade”, avalia. “Estou muito feliz com essa final, mas sei que eu tenho capacidade de ganhar o título”.

A última atleta nacional a vencer na categoria 16 anos do Banana Bowl foi a paulista Luisa Stefani em 2013. Outras conquistas recentes vieram com Suellem Abel em 2012 e Carolina Meligeni Alves em 2011. Nomes como Niege Dias, Luciana Della Casa e Cláudia Monteiro também estão entre as vencedoras do evento. Entre as jogadoras estrangeiras que já venceram nos 16 anos, destaque para a argentina Gisela Dulko em 1998.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s